Arquivo da tag: Coisas que NanyHackabout não suporta

aleatoriedades ~ 01

(escrito no tablet entre 18:37 e 18:59)

eu comprei um tablet com modem e tal, ok, mas eu desisto de tentar configurar o modem 3g chines porque e uma porcaria. eu necessito de ferias, nao so da escola e do curso como tambem preciso de ficar bem longe de casa

serio ai de quem tentar me impedir de sair nas ferias, armo um barraco e vou de qualquer jeito, mas eu NECESSITO de ficar bem longe da minha mae e da minha avo durante um bom tempo. quanto mais longe eu ficar melhor.

minha vo ta a cada dia mais puta comigo mas eu nao tenho culpa se eu TENHO que ir pra escola todo dia e as vezes ainda ficar na parte da tarde, e ir direto pro curso, ou ir trabalhar. e se quer saber eu ODEIO ficar em casa. ODEIO que mandem em mim, ODEIO que fiquem me enchendo a paciencia todo santo dia PORRA ME DEIXA EM PAZ eu nao posso nem sentar mais na sala pra ler um livro ou fazer dever que ja vem um ANA VEM CA do outro lado da casa e se eu responder JA VOU e demorar um minuto ja vem CE QUER APANHAR. serio porque voces acham que eu peguei recuperacao em quimica? eu nem mostrei meu boletim do segundo trimestre pra minha mae porque senao eu ia ter que ouvir um sermao inteiro sobre ficar em cima da media nas materias e patati patata VEI como se eu nunca tivesse perdido media antes (na vdd perdi media so uma vez em matematica na setima serie, porque na outra escola eu peguei recuperacao todos os tres trimestres de espanhol mas recuperei tudo, que nem aconteceu esse ano)

cara porque eu to escrevendo nessa porra de tablet sem estar conectada mesmo

ah sim e a unica coisa em maos

anyway to passando mal com esse cheiro de carro novo se eu vomitar mais tarde ja sabem o porque

mais tarde nada vou vomitar aqui mesmo porque pqp to passando muito mal

fodas vou passar isso tudo pro computador quando chegar em casa e postar assim mesmo sem configurar nada ces terao que me aguentar digitando sem acento sem cedilha nem nada porque o teclado (tanto o touch quanto o fisico) sao do estilo ingles logo nao tem acento

e to com preguica de colocar as palavras com letra maiuscula ok

como voces estao percebendo minha vida nesse final de ano esta uma porcaria e so prevejo melhoras quando eu estiver fazendo o meu circuito cultural na minha linda bh ja que nao vou viajar. mas meu circuito cultural so preveem pontos que tenham wifi gratis porque tenho que ver se a porra do wifi do tablet presta.

serio vou abrir a janela e vomitar aqui porque ta tenso

galera desde o ultimo dia que postei (16 de setembro sl algo assim) aconteceram algumas coisinhas legais tipo eu passar de ano em quimica sem ter que fazer recuperacao final, comecei a trabalhar, FUI NO SHOW DO MEU DIVO DANIEL BOAVENTURA e levei varios sermoes de todo mundo que voces imaginarem, desde minha mai ate o meu cachorro (se eu tivesse um)

entao nesse momento eu vou ficar so ouvindo meu david bowie aqui de boa e esperar chegar em casa pra vomitar postar isso

inte pessoas

osculos e amplexos

@NanyHackabout

Anúncios

6 Comentários

Arquivado em Uncategorized

Na falta de um título decente, vai qualquer coisa mesmo.

OK ACHO QUE DEMOREI MAIS QUE UMA SEMANA mas pensem pelo lado bom, vocês não tiveram que ler minhas besteiras etc :~ Ah, nem demorei, demorei cinco dias só, no meu outro blog faz quase dois meses que não posto porra nenhuma, dêem-se por previlegiados por serem sempre os primeiros a lerem as novidades que correm na vida dessa singela garotinha que vive no país dos pirilampos.

Mas eu não sou uma singela garotinha com lindas asas douradas de cisne que gosta de voar por entre as belas nuvens primaveris de algodão-doce, eu sou a Nany seus bando de puto. E pra variar eu estou sem assunto. E pra dizer bem a verdade eu só continuo mantendo o blog porque não quero perder nada do que já postei aqui e porque eu não tenho mais nada o que fazer na internet.

Quer dizer, tem muita coisa sim, tipo postar capítulos novos na Como Ser, porque PORRA CADÊ MEUS LEITORES NYAH agora está dizendo que só tem 36, mas até três meses atrás (vulgo antes do layout novo ser posto no ar e que aliás é uma merda eu não entendi çaporra até hoje) tinha 10.874 leitores SOS QUERO MEUS LEITORES DE VOLTA. Mas enfim, eu tenho que postar antes que o povo começa a querer me matar de verdade sacas, mas a falta de imaginação é tanta que eu vou acabar deletando a Como Ser de uma vez e acabar com minhas dores de cabeça e coisa e tal.

Caso eu faça isso eu vou avisar vocês queridos leitores, lógico, óbvio, claro, eu não deixaria vocês na mão tão de repente e OK talvez eu não avise antes whatever

Sério não estou mais tendo paciência pra escrever fanfic, vou pôr tudo em hiatus e só volto depois de formada, enquanto isso vou me refugiar num retiro espiritual no Himalaia porque aí nenhum leitor vai poder me bater kekekekeke

Himalaia é o sonho de qualquer ficwritter estressado, porque é um lugar inóspito e pouquíssimas pessoas teriam coragem de ir lá só pra cobrar um capítulo novo. Qualquer dia eu vou pra lá, esperem e verão.

Falando em verão, que calor é esse que tá fazendo meu deus, e olha que a gente tá no outono. Imagina no verão mesmo como vai ser. Eu ainda testarei a minha teoria: ‘É possível viver dentro de um freezer?’, porque ultimamente esse é o único lugar apropriado nesse calorão todo. Sorte dos peixinhos que ficam o dia inteiro dentro d’água ~~~ ai meu deus necessito de uma piscina gelada agora

Enfim, é isso aí, eu tô com fome, não estou com a mínima vontade de escrever fanfic, e, principalmente, minhas provas estão chegando e eu tenho muito trabalho pra fazer neçaporra. Falando em trabalho, minhas aulas esse ano estão um saco. As únicas coisas que salvam esse ano é a aula da Carla, da Cássia, da Juliana, da Nívia e o Parlamento Jovem que tá sendo bem legal e panz, mas o resto, vish maria, desde quando começou as aulas eu não estou acreditando que até o ano passado eu queria me formar em Física porque pqp viu o professor desse ano eliminou todas as possibilidades de eu GOSTAR dessa matéria. aiai Madalena que falta tu faz :~ e Filosofia então deus me livre, outra coisa que ano passado era maravilhoso, as aulas eram ótimas, eu estava até considerando a possibilidade de fazer algo relacionado aos pensamentos humanos e coisa e tal, aí esse ano me vem uma coisa chata pra cacete, os pensamentos do tio Bacon lá, Bossuet dizendo que foi ele que inventou que os reis recebiam o poder de Deus pra governar (sendo que os faraós do Egito Antigo disseram a mesma coisa há mais ou menos dois mil anos antes dele) e aula em plena quinta-feira no primeiro horário. Porra, eu odeio quinta-feira.

E se alguém tiver uma proposta de estágio ou emprego aqui por BH favor me avisar, porque é muito show evento caralho à quatro acontecendo pra nenhum dinheiro e sacumé né eu tenho que ter uma vida social decente, porque ter uma vida social que se resume à passar o dia inteiro na escola e no fim de semana mofar no twitter não tá dando certo. Ao menos se eu ganhasse um real à cada tweet, eu já estaria rica. Empresários, essa é uma ótima idéia, não querem começar me contratando não?

E mais uma coisa: vou fazer inscrição pro processo seletivo do CEFET no meio do ano pra concomitância externa, se eu não passar dessa vez eu desisto de fazer um curso técnico antes da faculdade, porque né.

_Ósculos e amplexos;
@NanyHackabout

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Malhação, again.

Ok, acho que vou passar a postar só uma vez por semana esse ano, porque sério, não estou tendo tempo ;__; but whatever, I’m here now (:

Só quando está terminando a ~temporada~ que eu posto sobre, incrível isso. Mas então, enquanto eu estava sofrendo de calor e não podia usar o computador porque estava relampiando, tive a estúpida idéia de falar da ~nova~ Malhação.

Olha, essa temporada é de longe a segunda pior de toda a história de Malhação. A primeira óbvio que foi a temporada passada, a do Fiuk, but whatever, o que interessa é porque essa temporada é tão ruim.

Primeiro que os atores novatos são PÉSSIMO. Não, sério, eles são tão ruins que NEM CHEGAM a ser ruins. Ruim é elogio. Aquela garota que faz a Catarina, a tal da Daniela Carvalho (ou coisa que valha), puta que pariu, que menina chata. A menina parece uma debilóide, fica fazendo biquinho toda hora, pra qualquer coisa. Quando ela vai falar com o namorado, faz biquinho :3 Quando tá triste, faz biquinho :3 Quando tá irritada, faz biquinho :3 PORRA VAI FAZER BIQUINHO NA CASA DO CARALHO.

ARGH MEUS OLHOS MEUS OLHOS ela precisa de um curso de teatro urgente sério

Os únicos que prestam naquele elenco é a Helena Ranaldi e o Marcos Winter, e isso só porque eu gosto deles pra cacete, porque os personagens são ridículos e chatos pra caramba.

SUA LINDA VEMK ♥

E aquele médico do olho azul, o Alexandre Barros, também não é de se jogar fora, mas só se estiver na minha cama.

Segundo, o casal principal é R-I-D-Í-C-U-L-O, com todas as letras. Porra, eles não têm química nenhuma, além de formarem um casal muito do feio. Acho que até a Angelina com o Gustavo na temporada 15 formavam um casal mais bonito, e olha que até hoje eu não gosto da Sophie Charlotte nem do Rafael Almeida.

Porra, custava ter procurado um casal mais bonitinho?

E por último e não menos importante: QUE MERDA DE COLÉGIO PRIMEIRA OPÇÃO É ESSE? Tipo, na temporada anterior ninguém prestou muita importância no colégio porque a maioria das cenas era no Rocket, mas agora, pqp mano, que porra é essa?

MANO QUE FALTA FAZ O MÚLTIPLA ESCOLHA. Professores BEM MAIS talentosos, alunos BEM MAIS carismáticos e PORRA DIRETORIA a guria aprontou poucas e boas e a única coisa que aconteceu com ela foi uma suspensão de dois dias e uma vaiada básica na saída do colégio? PUTA QUE PARIU.

E depois ainda perguntam por que eu parei de gostar de Malhação quando acabou a 15ª temporada.

Ah, Vagabanda, que falta você faz.

campanha: VOLTA VAGABANDA ;_;

_Ósculos e amplexos;
@NanyHackabout

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

A incrível saga de Nany na sua atual escola e outras histórias.

[ESCRITO EM DIVERSOS DIAS, MAIS PRECISAMENTE ENTRE 12-02-2011 E 18-02-2011]

OLHA;;;;;;;;;;;; nem sei porque tô escrevendo ‘saporra. Mas é que já passa da meia-noite, eu tô com insônia e como não tem mais nada pra fazer, eu vou escrever né. Sabe, desde quando entrei na minha primeira escola, eu nunca fiz amigos de verdade. Não como os que tenho atualmente. Na primeira série, eu tinha lá o meu grupinho de amigas, mas eu continuava sendo um pouco excluída, porque era a mais nova. E o tempo passou, eu mudei de escola, fiz novos amigos. Mas claro, poucos continuaram sendo meus amigos depois que saí de lá.

Então, fui para a minha atual escola. Na sexta série, o primeiro amigo que fiz foi o meu professor de Matemática, que até hoje é tipo, meu tio querido, que considero pra caramba. Logo depois, fiz amizade com algumas pessoas da minha turma. Novamente, quando passou o ano, continuei conversando com poucos.

Mas definitivamente a minha sétima série foi a melhor e a pior série da minha vida. A melhor porque foi quando eu conheci os melhores amigos que já tive na vida, e a pior porque eu conheci uma das pessoas mais chatas que existe na face da terra.

Mas a sétima série foi quando eu realmente fiz verdadeiras amizades, que eu espero manter até o último dos meus dias. Foi na sétima série que eu percebi que quando você quer ser amiga de uma pessoa, se você lutar por isso, você consegue. E foi na sétima série que eu levei um tapa na cara da sociedade ao fazer uma amizade que eu achei que fosse verdadeira, e era uma amizade tão falsa quanto o rosto sem rugas da Madona. Sabe quando você é amigo de uma pessoa e então vocês viram inimigos mortais por um motivo idiota? Pois é, eu sei bem o que é isso. E quer saber de uma coisa? EU NÃO ME ARREPENDO. Só para constar.

Enfim, sou feliz por ter conhecido as melhores pessoas do mundo em um intervalo de um ano, e mais feliz ainda por consegui-las mantê-las do meu lado até agora.

MAS tô aqui pra contar como começou a minha aventuresca saga nessa escola que apesar de viver me fodendo é minha segunda casa

Entrei no Gatti na sexta série, em 2007, com apenas 11 aninhos, e eu ERA um exemplo de menina até entrar lá. Não conversava nas aulas, prestava atenção, ficava quietinha no canto anotando a matéria, e, para alívio dos professores, tirava ótimas notas. Mas um dia eu tinha que mudar né, e para a infelicidade dos meus professores da sexta série, eu escolhi logo aquele ano para não ser mais o exemplo de aluna que todos os professores queriam.

Pena que essa mudança não deu certo né, continuo nerd de qualquer jeito.

Whatever, no meu primeiro dia de aula, eu, com 11 anos e 1,43 de altura (agora tenho 1,61 yeesssssssssssssss), cheguei na escola com meu caderno da ~moranguinho~ e fui procurar meu nome nas listas em frente às salas. Bom, eu não era nem doida de ir para uma escola em que eu não conhecesse NINGUÉM, então caçei um povo lá da igreja que eu já sabia que estudava lá e etc, e assim que os encontrei, fui caçar minha turma (literalmente). Então ao chegar em frente à sala 22, achei meu nome na lista da turma 605 e me sentei em frente à sala para esperar.

A primeira professora que entrou foi a de português, uma loira que adora usar vestidos extravagantes e saltos mais extravagantes ainda. Ela praticamente se apresentou e passou uma materiazinha lá de revisão e coisa e tal, que eu nem lembro mais, de tão importante que era.

Mas o melhor foi o segundo horário, porque entrou pela sala meu querido Fred, que dentro de poucos meses se tornou tio Fred e hoje em dia continua sendo o meu tio Fred, só que com uns fios de cabelo branco à mais. Mas com o mesmo senso de humor sarcástico daquela época, ainda bem se não eu dava um soco nele.

Aí na hora do recreio eu acho que me enturmei mais com o povo e fiz umas amizades, e algumas tenho até hoje (:

Ou seja: a sexta série foi até tranquila.Aí passa o ano, eu passo de ano, e vou pra sétima série. É aí que o bicho começa a pegar.

Sétima série, eu com recém-feitos 12 anos, e o guri que era o meu melhor amigo naquela época ia sair da escola. Genial. Já começou o ano muito bem, como vocês podem perceber. E mais: a 605 tinha sido toda desintregada, e da turma original sobraram só 5 no turno da tarde. Então entramos para a turma 707. Imaginemos a seguinte situação: primeira aula na sétima série (se bem me lembro) foi artes com uma das professoras mais entediantes que já tive na vida e eu conhecia no máximo umas 7 pessoas na turma (contando com as outras 4 da 605). Claro que a primeira aula foi um porre.

Mas graças aos céus que há tantas pessoas legais quanto pessoas entediantes naquela escola, e o meu segundo horário foi com a professora que eu mais amo na minha vida, minha querida tia Suzana. Mano, logo no primeiro minuto de aula a Suzana se revelou uma pessoa super gente boa, e desde então a considero quase da família.

Aí o tempo foi passando, e mais ou menos em abril ou maio não me lembro bem e nem quero lembrar, a nossa querida professora Luci de geografia passou um trabalho sobre a África. E o meu grupo de trabalho era basicamente o meu grupo de amigos. E a entrega do trabalho seria na Olimgatti (Olimpíadas + Gatti SIM EU SEI É RIDÍCULO NÃO PRECISA COMENTAR).

Acontece meus pequenos gafanhotos que a minha avó estava internada para uma cirurgia na época, e eu não estava tendo tempo nem de respirar direito. O que me levou a não fazer quase nada do trabalho. Aí no dia da entrega do trabalho, eu levei o que eu tinha conseguido fazer e estava terminando mais alguns, e eu já até tinha falado com o grupo, MAS só uma pessoa não aceitou isso e patati patatá aí eu mandei o trabalho às favas e saí do grupo, levando minha parte junto. Eu não estava NEM AÍ pra minha nota de geografia, já estava na média mesmo. Então fui pra quadra e assisti calmamente os jogos do dia, não estava nem me lixando pro trabalho mais. Aí quando fui conversar com o grupo, a mesma pessoa me ignorou totalmente. Então como não adiantava mais nada e por causa de uma coisa ridícula alguém brigou comigo, eu simplesmente dei de ombros e fui conversar com meus outros amigos.

E não venham me dizer que por minha causa tal pessoa pegou recuperação em geografia etc etc porque quem não quis a minha parte do trabalho foi fulano e fodas o dele. Falo mesmo tô nei ai isso foi há três anos shut up. Fodas a educação, aqui a minha contribuição pra educação ó 8=============D

Depois disso meu ano foi só maravilha, porque conheci a @chinchulo e a @Fuckwhereyoutoo, e graças à Suzana conheci a minha atual melhor amiga Sílvia.

Aí chegamos na oitava série. Que passou muito rápido. Mas aconteceu tanta coisa, que mal consigo me lembrar de tudo. Mas acho que foi na oitava série que passei a ser a pessoa que sou hoje. Passei a me preocupar de verdade com meus amigos verdadeiros, passei a conversar mais com as pessoas (claro, era meu terceiro ano na escola, se ainda não conhecesse ninguém eu merecia um soco), fiz mais amizades, e, claro, tive uma queda por um professor, como todo ano acontece.

Só uma abertura aqui: eu ter uma queda por um professor já é de praxe, já está quase fazendo parte da cultura do meu grupo de amigos, porque né. Na sexta série foi o Fred (só no início, porque depois ele se tornou meu tio e eu só tinha um amor fraternal por ele kkkkk), na sétima foi o Jorge, na oitava  o Joaquim, no primeiro ano _eu acho que_ foi a Cristine, mas sacumé, paixões lésbicas estão incluídas aqui ou não? kkkk E por mais incrível que pareça não tenho nenhuma paixão esse ano _ainda_.

Aí no final da oitava série eu conheci a Lulu e a Krisley, provavelmente as únicas garotas da sexta série que eram legais naquela época. E aí o ano passou e veio o Ensino Médio.

Meus pequenos gafanhotos, se vocês ainda são do ensino fundamental, aproveitem BEM os anos que lhes restam, porque depois que você entra no Ensino Médio, sua vida não tem mais moleza. Sério, falo isso pra todos os meus amigos mais novos que ainda estão no fundamental, porque, acreditem, quando eu estava no fundamental, eu era feliz e não sabia. Apesar de tudo, eu realmente era feliz. Agora no Médio pffffffffffffffffffffffffffffff se você acha que no Médio você vai poder sair pra balada toda semana é porque você ainda não teve de fazer um trabalho de filosofia sobre um dos filósofos da era renascentista. ALIÁS, se você ACHA que você vai ter uma VIDA SOCIAL no Médio, esqueça se você quiser ser um bom aluno. Porque é muita coisa, e você fica tão estressado que no final do dia você só tem forças de tomar uma ducha e deitar na cama.

Mas o meu primeiro ano foi uma coisa mais ou menos tranquila, e novamente passou muito muito muito rápido, tanto que eu me lembro do primeiro dia de aula no ano passado. Eu NUNCA me lembro do primeiro dia de aula, e eu ainda me lembro do dia em que a gente chegou na escola de manhã (era a primeira vez que nós estudávamos de manhã) e saímos cumprimentando todo mundo no caminho, procurando a sala onde estava a lista da turma. A lista estava na sala 4, e a nossa primeira aula de primeiro ano foi uma coisa tão utópica e difícil ao mesmo tempo que não sabíamos se realmente aquilo estava acontecendo. A primeira aula foi (como quase sempre) português, mas dessa vez não foi uma professora chata de voz de Dolores Umbridge que entrou na sala, mas sim uma professora jovem, bonita e MUITO gente boa: nossa querida Ana Lúcia.

Mas eu só me lembro disso do primeiro dia de aula, o resto eu fiz questão de esquecer, porque queria ficar com a imagem da Ana Lúcia gravada pelo resto da vida, porque vou sentir muita falta dela.

Resumindo o primeiro ano: novas matérias, professores totalmente novos (exceto Fred, Suzana, Wellington e Jackie), aulas estressantes, provas mais ainda. Mas claro que sempre tinha aquelas pessoas que estão ali para aliviar um pouco o stress do dia-à-dia. Estavam entre essas pessoas: Madalena, Cristine, Nádia e Bete. Claro que isso é a minha opinião, porque enquanto 97% da minha turma odiava a aula da Bete, 2% não estava nem aí e os outros 1%, que se resume à mim e ao Victor, éramos apaixonados pela Bete. O mesmo acontecia com a Nádia. E mais ou menos a mesma coisa com a Madalena. Já com a Cristine era diferente, porque ela era professora de Educação Física, e são só umas 7 ou 8 pessoas na minha turma que não fazem a aula. Além da Cris ser uma fofa.

Mas que fique bem claro que não sei ao certo o que sentia pela Cris (amor platônico, amizade sl), seus bando de mente suja.

Só sei que ela é uma linda e que tô com saudades dela ):

Aí o primeiro ano passou. Tivemos 4 festas (Ingrid, a minha, Vanessa e Grazi), e eu fui em três. A da Vanessa foi no mesmo dia que a minha. Fomos bicampeãs no futsal feminino, com uma marca histórica de 8 gols à 0. Reforcei minha amizade com a Suzana, com o Fred e com a Jackie, e até fiz amizade com o Wellington, com a Nádia e com a Madalena.

2010 foi um ano muito bom, apesar de tudo ;_;

Aí agora estou no segundo ano, a mesma escola, a mesma turma, professores diferentes, salas diferentes, métodos diferentes. E ano que vem será o último ano, o final de tudo.

Só espero que esse ano e o próximo passem bem devagar, porque quero aproveitar bem os últimos tempos que tenho na escola (:

_Ósculos e amplexos;
@NanyHackabout

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Primeira semana de aula.

OLHA;;; na verdade verdade mesmo, só teve três dias de aula até agora né? kkkk mas enfim, é bom estar de volta à rotina de acordar às 5:20 da matina, enrolar na cama até às 5:40, tomar banho até 6:00, arrumar e tomar café até às 6:45 e ir pra escola. MARAVILHA.

Mas uma coisa é certa: quando se está no ensino médio, os primeiros dias de aula nunca são tranquilos. No primeiro dia de aula, eu confirmei que a professora de Matemática é realmente uma maluca. Tipo, desde o ano passado – quando passei para de manhã -, eu reparei que ela tinha um jeito de psicopata. Todas as vezes que eu estava de horário vago, eu ajudava as coordenadoras com alguma coisa. E todas as vezes que eu tinha de ir na sala da professora, eu pensava que à qualquer momento ela ia tirar uma faca do bolso e me atacar. E eu continuo achando isso, sério. Mas ela é gente boa e coisa e talz, até falou que enquanto ela estiver explicando matéria a gente pode até dormir que ela não está nem aí, o importante é fazer silêncio.

E no segundo dia de aula, na primeira aula de Física, o professor já passou trabalho. E ainda disse que quer caderno separado pra matéria, porque ele gosta de recolher os cadernos. GENTE, metade da minha turma usa fichário e/ou caderno de 10 matérias. E O PROFESSOR ME VÊM FALANDO QUE PREFERE CADERNO BROCHURÃO PQP PQP PQP

Mas então né povo, só passei pra falar que eu não morri ainda, estou viva. Mas estou sem vontade de escrever ultimamente porque uma amiga minha está no hospital e panz (fiquei sabendo no primeiro dia de aula, vê se pode) e eu estou ansiosa por notícias ):

E também porque eu tô com uma puta saudade da Madalena, já que ela não vai me dar aula esse ano, e ela ainda não decidiu se vai continuar lá no Gatti ou vai ter que sair, essas coisas ):

Enfim, bom início de ano letivo pra vocês e coisa e tal :~

_Ósculos e amplexos;
@NanyHackabout

E, Érica Laiso, saiba que estou torcendo por você. Te amo sempre

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Volta às aulas chegando meu povo \o/

BOM DIA GALERA, FALTAM MENOS DE 4 DIAS PRA EU VOLTAR A SOFRER PRA ACORDAR. Sim, estou falando da volta às aulas, o que para mais da metade das escolas públicas de Belo Horizonte (e algumas do Brasil inteiro né kk) vai ocorrer no dia 2 de fevereiro, próxima quarta-feira – e que, aliás, é o dia do aniversário da minha melhor amiga Sílvia Bom meus pequenos gafanhotos, com o fim das férias, já vêm as preocupações super importantes e básicas de todo aluno do ensino médio: o que vestir no primeiro dia de aula, que cor de caneta usar para títulos, usar folhas de fichário decoradas ou normais, essas coisa ae que deixa qualquer pessoa maluca.

OK, MENTIRA KKKKKK Vou falar sério agora. Ou não. Mas enfim, para você, pequeno gafanhoto, que queira mostrar uma imagem diferente no ano letivo de 2011 (leia-se: você era um verdadeiro demônio em 2010 e quer que os professores pensem que durante as férias você estudou pra caralho e virou um estudante exemplar) ou que vai mudar de escola, aí vai algumas dicas (:

1- Chegue cedo.

Tipo, se o portão da escola abre às 7:00 e a aula começa às 7:10 (assim como é na minha escola), chegue às 6:55 NO MÍNIMO. Sério, se você for novato na escola, a melhor coisa a se fazer entre os 10 minutos da entrada e o início da aula é andar pela escola para conhecer o local. Ninguém merece ficar perdido na escola nova. Quando eu entrei na minha atual escola (na sexta série), eu me perdia todo dia, até aprender onde era cada sala, onde dava cada corredor, onde era a quadra, etc. E acredite, mesmo estudando lá há quase cinco anos, eu ainda me perco às vezes, porque a numeração das salas é super estranha e panz :~ Uma boa dica é você fazer um mapa na última folha do caderno de História (geralmente é o que se usa menos), e ir acrescentando novas coisas ao longo do ano. Eu deveria ter tido essa idéia quando eu entrei lá no Gatti porque pqp viu. E uma outra vantagem em chegar cedo é que você vai poder conversar com seus colegas mais tempo antes de entrarem em sala, ou, no caso de você ser novato, procurar por alguém conhecido ou fazer novas amizades. E, claro, se os professores o virem chegando cedo na escola, e o verem entrando na sala deles, acredite, já vai ser um ponto a mais no seu currículo ((((((((: Principalmente porque, na maioria das escolas, o primeiro dia de aula serve para os professores passarem uma visão geral das regras da escola, e uma das regras – e provavelmente a que eles levam mais em conta – é a questão da responsabilidade para com o horário de aula. Então, não custa vocês saírem de casa dois minutos mais cedo que o normal, porque você terá muitas vantagens com isso (:

2- Separe seus materiais no dia anterior.

Óbvio, imagina você, às 6:47 da matina, sem nem ter tomado café ainda, procurando sua lapiseira? Não tem nada pior que isso pqp. Portanto, seu preguiçoso duma figa, antes de ir dormir (E PELOAMOR, SE VOCÊ ESTUDA DE MANHÃ, DURMA CEDO, vou falar disso ainda), ARRUME SUA MOCHILA. Veja se não está faltando nenhum caderno, confira se todas as suas canetas estão no lugar certo, olhe se você está levando grafite ou um lápis extra, etc. E se você tem um irmão ou uma irmã mais nova, peloamor da batatinha frita, confira se você não pôs nada do seu irmão na mochila por engano. Imagina que lindo, no meio da primeira aula de Português, a professora ditando um texto super complicado, seu lápis quebra, e quando você vai pegar seu apontador, dentro da bolsinha tem uma borracha gigante do Ben 10. A PUTA QUE PARIU NÉ MANO, primeiro dia de aula e tu já tá queimando seu filme tomar no cu hein?

3- Tenha uma boa noite de sono.

E ISSO SIGNIFICA DORMIR ANTES DA MEIA-NOITE ENTENDEU? Mano, imagina se você fica acordado até três da matina, não consegue dormir, toma uma ducha rápida mas não adianta porra nenhuma, aí tu vais pra escola parecendo um zumbi e o primeiro horário vai ser Matemática e o professor vai passar uma revisão de função exponencial. FODEU. Aí no segundo horário você ainda não está totalmente acordado, e vai ser aula de Filosofia, e a professora começa um debate sobre Sigmund Freud e sua contribuição para a Filosofia atual. FODEU. AÍ NO RECREIO A DIRETORA TEVE A BRILHANTE IDÉIA DE LEVAR UMA BANDA RUIM PRA CARALHO PRA TOCAR EM COMEMORAÇÃO AO PRIMEIRO DIA DE AULA, E AÍ VOCÊ NÃO CONSEGUE DORMIR, FODEU GERAL. É, meu filho, aposto que se isso acontecesse, você nunca mais ia dormir depois da meia-noite durante todo o ano. Nem nas férias.

Bom, acho que esses são uns passos básicos pra qualquer um aí e panz né :~ Enfim, bom fim de semana pra vocês, e que venham as aulas õ/

_Ósculos e amplexos;
@NanyHackabout

2 Comentários

Arquivado em Uncategorized

Férias, férias, férias.

Isso é um porre. Nunca tem nada pra fazer. É por isso que odeio férias. Ao menos na escola tinha uma coisa pra fazer né? -e

E como não aconteceu mais nada de extraordinário desde o aniversário da Cris, foda-se, não vou falar sobre nada também.

Então é isso, não tem assunto. Quando Passione acabar provavelmente terei assunto, já que a minha diva Patrícia Pillar vai fazer uma participação especial nessa última semana. Mas enfim, enquanto isso, contentem-se apenas com posts idiotas sobre nada.

E isso porque o wordpress tá de brincadeira comigo e não me deixa pôr imagens. Então, sábado eu volto falando sobre o final de Passione, juro. E olha que eu nem assisto a novela.

E o wordpress não tá me deixando pôr tags nessa porra também, um beijo.

_Ósculos e amplexos;
@NanyHackabout

2 Comentários

Arquivado em Uncategorized