Arquivo da tag: Lugares

FELIZ PÁSCOA ATRASADA WEE

FALA GALERA DEMOREI MAS CHEGUEI KKKK ok ok ok sinto nesse momento que estou recebendo zilhões de pedradas na cabeça porque realmente eu demorei pra caralho pra postar e eu nem tenho mais assunto MAS EU VOLTEI E AGORA PRA FICAR e realmente vou começar a escrever coisas que prestam por aqui. Ou não né vai saber, ainda estamos falando de mim certo? Mas então época de páscoa né meu povo eae comeram muito chocolate e engordaram dois quilos em dois dias e estão lotados de espinhas na cara? Porque isso NUNCA acontece comigo HAHAHAHAHAHA invejem plebeus e gordos e espinhentos.

Mas enfim como vai a vida? A minha tá complicada, tô quase morrendo na escola e tô quase me matando pra saber a minha nota de química (porque a prova tava horrível mio dio eu me fodi na prova e agora tenho que esperar a professora falar a nota total e pela primeira vez na minha vida eu tô com medo de perder média). Mas no mais está tudo ok tudo muito bem e a vida vai indo animada que só tão animada que atzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz

aiaiai minha vida continua uma bosta a quem eu estou querendo enganar? A única coisa que vai melhorar é que eu vou fazer curso de alemão yeeeeeeeeeeeeeeeeeeesssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssss e aleluia eu finalmente entendi a matéria do curso de inglês desse módulo aí só falta fazer a prova de writing e de listening hoje e correr pra galera~o~  e pra variar eu fechei o trimestre de inglês na escola fuck yeah (grande novidade ça porra né). E EU FECHEI A PROVA TRIMESTRAL DE MATEMÁTICA FUCK YEEEEESSSSSS o que eu achei uma coisa absurda porque eu só sabia metade da matéria e essa metade que eu sabia ainda assim eu não acertava bulhufas nos exercícios.

whatever qualquer dia eu postarei algo que preste aqui sobre algum filme OU MELHOR SOBRE O TRAILER DE HARRY POTTER E AS RELÍQUIAS DA MORTE PARTE 2 QUE SAI AMANHÃ HOLY SHIT PELOS CABELOS DE SNAPE É AMANHÃ PORRA eu vou ter troço sério. Então fiquem por aqui curtindo essa sensação super agradável de ansiedade e coisa e tal.

_Ósculos e amplexos;
@NanyHackabout 

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

AND WE WENT TO THE BH ZOO

Depois de três anos sem ir no zoológico de Belo Horizonte, eu fui em uma excursão da escola, e a única coisa que valeu foi o maldito leão que pela primeira vez na minha vida eu vi acordado.

Na verdade nós fomos lá pra ver o aquário da prefeitura, e quando a gente entrou lá, chegou perto do tanque d’água, olhou bem pros peixes que estavam lá e exclamamos: que porra é essa? Porque o aquário não é lá a coisa que esperávamos, ainda mais depois de toda a propaganda que a prefeitura fez questão de fazer, dizendo ‘venha ver as maravilhas da bacia do Rio São Francisco na Fundação Zoo-Botânica de Belo Horizonte’ e quando a gente chega lá a única coisa que vale são os peixinhos que ficam parados por causa do empuxo E PORRA ELES FICAM PARADOS MESMO PARECE QUE TÃO PENDURADOS POR ALGUMA COISA SL e o tanque de água que é uma coisa gigantesca e eu quero ter um quando na minha sala quando eu tiver minha própria casa mas é só isso e a lanchonete do lado de fora que tinha chá gelado <3333333333333333333333333

eu praticamente me entupi de chá gelado no dia porque de manhã eu já tinha tomado duas latinhas e no zoo eu tomei mais duas CHÁ GELADO É PODER HAHAHAHAHA

Mas entonce, só pra começar a gente saiu atrasado da escola, porque o terceiro ônibus demorou a chegar e o terceiro ônibus era igualzinho à esses ônibus normais de lotação mano só que com um treco da prefeitura do lado E ADIVINHEM SÓ EM QUAL ÔNIBUS A MINHA TURMA FOI como sempre a gente se ferrou né, e ainda foram DOIS professores com a gente. TIPO, DOIS PROFESSORES. Embora isso não queria dizer nada porque ano passado quando a gente foi no museu também foram dois professores com a gente e a Bete não tava nem se fodendo pro que tava acontecendo e o Fred até se pendurou no ônibus com os meninos mas isso não vem ao caso agora =^.^= mas os professores que foram dessa vez não deixaram o povo fazer muita bagunça e coisa e tal, e a gente demorou mais de uma hora pra chegar na porra do zoológico porque pra variar o trânsito de BH tava engarrafado às oito da matina e, acredite, dependendo por onde você passa o zoológico fica até longe. No nosso caso, passamos pelo CEASA e realmente não foi uma boa idéia.

Aí quando a gente chegou lá a gente teve que andar desde o camelo até o elefante E PORRA É PRATICAMENTE UMA JORNADA não é à toa que quando eu vou no zoo eu vou de carro com alguém e a gente desce perto da lanchonete pra depois andar tudo. Não é um plano muito inteligente, mas com certeza vale a pena poupar dez minutos de caminhada embaixo de um sol quente pra caralho em cima de um asfalto soltando ~tiras~ de vapor.

Mas então, aí a gente foi andando pelo zoológico, vendo os bichinhos, comparando eles com pessoas conhecidas (no meu caso, comparando as girafas com a coitada da Juliana, que até hoje me julga por isso e eu tô vendo que minha nota na prova de biologia que fiz hoje vai vir um pouco mudada kkkkk) e pondo a fofoca em dia (ou seja, falando mal dos professores).

Foi tudo muito normal, essas coisa que acontece em zoo mesmo e coisa e tal, MAS AÍ MANO, A GENTE CHEGOU NA ÁREA DO LEÃO. Juro pra vocês que em meus 15 anos e mais alguns meses de existência e vivência em BH eu NUNCA tinha visto aquele maldito leão acordado. Todas as vezes que eu fui no zoo ele estava dormindo. Aí quando a gente chegou perto da grade PORRA O LEÃO TÁ ACORDADO E TÁ FAZENDO POSE AINDA MIO DIO sério ele tava mó falso cognato com aquela juba enorme de grande e um ar de superior igual ao do meu professor de Literatura quando tá andando pra ir pra sala ou explicando matéria. Mas enfim aí o leão tava lá todo sexy mó parecendo o Aslan quando ressuscita lá na mesa de pedra e aparece do nada com o sol atrás dele e a juba esvoaçando à brisa do mar e etc etc etc aí a gente foi ver o tigre, que tava andando em círculos que nem um retardado.

Aí enquanto a gente estava vendo o tigre O LEÃO COMEÇOU A RUGIR ENGASGAR SEI LÁ MANO SEI QUE ELE COMEÇOU A FAZER UNS BARULHOS ESTRANHOS E AÍ ELE TAVA MUITO FODA MANO é isso que importa.

eu acho que quem tirou essa foto foi alguém da minha turma MAS NÃO INTERESSA O LEÃO É LINDO MIO DIO ♥

Aí a gente terminou de ver alguns bichinhos, passamos pelo Jardim Japonês (que aliás é muito muito muito muito lindo) e fomos pro aquário. E como eu já disse, o aquário não tinha praticamente nada, a não ser o chá gelado da lanchonete e o guia bonitinho que falou com a gente. Aí foi só, depois disso a gente lanchou e foi pro ônibus e coisa e tal :~

Então pessoinhas, só pra mostrar a vocês que eu ainda estou viva e cheia de energia e vitalidade mesmo com essas dores nas costas horríveis coisa da idade sacumé.

E da próxima vez que eu for no zoológico eu vou direto pra área das cobras, e quero ver quem vai me impedir.

_Ósculos e amplexos;
@NanyHackabout

1 comentário

Arquivado em Uncategorized

Perigeu lunar e outras coisas.

FALA GALERA aproveitando que hoje é o dia do perigeu lunar, vou falar dele hoje, olha que lindeza, Nany Hackabout também é cultura. E ao contrário do que todo mundo pensa, o perigeu lunar NÃO CAUSOU O TERREMOTO E O TSUNAMI NO JAPÃO SEUS BANDO DE BURRO perigeu lunar acontece a cada 18 anos, e foi apenas coincidência acontecer essa porra toda.

Ou seja: o mundo ainda não está acabando só porque a lua está chegando mais perto etc.

Mas enfim, o fenômeno, também chamado de Super Lua, é quando a Lua cheia se encontra no ponto chamado de perigeu lunar, que é o ponto mais próximo da órbita da Lua em relação à Terra. O nosso satélite natural fica à 405.696 km da Terra quando está no apogeu, mas no perigeu ela fica à 363.104 km. Isso dá uns bons quilômetros de diferença e coisa e tal, E MANO, A LUA NO PERIGEU FICA LINDA PRA CARALHO. Pena que ainda não tem fotos do perigeu de hoje e etc :~

Capaz de daqui a pouco eu sair lá na rua de casa só pra tirar foto da lua.

Mas além da astrologia e física e essas porra tudo que a gente tá cansado de ouvir na escola, tem também a parte ~mística~ da coisa. Pra vocês terem idéia tem uma coisa aí de quando a Lua está no apogeu as forças de Lilith (a verdadeira primeira mulher de Adão, o segundo anjo etc) ficam mais fortes, e no perigeu ela fica menos perigosa, alguma coisa assim. Sei lá mano não entendo desses treco minha área é geografia.

agora vocês entendem porque eles falam que a Lilith é coisa do capeta né kkkk

Mas vou falar da Lilith pra quem ficou curioso. Quem já assistiu ou leu Evangelion sabe quem é Lilith, e se você é um desses que fez isso YOU ARE A WINNER porque Evangelion é muito foda mano, recomendo pra todo mundo e coisa e tal. Enfim, a Lilith é vista de maneiras diferentes em diversas culturas. Na Cabala, a Lilith é acusada de ser a serpente que entregou a maçã à Eva. Na Bíblia que a maioria conhece, há uma passagem que menciona ‘Lilite’, que nas traduções mais recentes foram trocadas traduzidas como demônio ou bruxa do deserto (mas em 2009 a Judit Blair acabou com a confusão do povo, quando provou que Lilite era uma espécie verdadeira de animal etc). Aí no folclore hebraico medieval, a coisa começa a pegar mal pro lado da Lilith, porque até de vampira ela foi acusada. Pelo menos ela não brilha porque né.

Mas então, a Lilith é uma coisa que ninguém nunca vai conseguir explicar porque não tinha ninguém naquela época mesmo, se tiver existido mesmo, e essa porra toda.

Mas eu realmente recomendo Neon Genesis Evangelion pra todo mundo :33333333333333333

_Ósculos e amplexos;
@NanyHackabout

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Título inútil, post inútil, mas nós somos felizes.

Ok, eu concordo com todos vocês que eu mereço um soco bem dado no meio do nariz. MAS QQIÇO MINHA GENTE NÓS SOMOS UMA NAÇÃO DE PAZ E HARMONIA ou não né, mas enfim, estive meio sumida mesmo, e dessa vez eu nem tenho uma desculpa, porque a verdade é que eu estava com preguiça de escrever algo que prestasse mesmo e etc OU SEJA EU REALMENTE MEREÇO UM SOCO

MAS EU VOLTEI E AGORA PRA FICAR PORQUE AQUI AQUI É O MEU LUGAR para a infelicidade geral da nação, e vou tentar postar alguma coisa toda semana sei lá, só sei que eu não quero que o meu blog lindo divo maravilhoso sexy fique abandonado, até porque DÁ MUITO TRABALHO FAZER OS BACKGROUNDS E OS BANNERS OK SEUS BANDO DE PUTO principalmente quando o único aplicativo de edição de imagem que você tem acesso está no notebook da sua mãe, que tem senha.

mas vale muito à pena ficar meia hora procurando imagens da minha deusa e ficar uma hora editando elas sem ter mouse ♥

Mas entonce né meu povo, ultimamente eu só tenho tido tempo pra ir na aula de manhã, fazer deveres e trabalhos à tarde, e nas terças e quintas à noite tenho curso de inglês. Ou seja: a coisa tá ficando feia pro meu lado. Sem contar que ultimamente as notícias que tenho recebido à cerca de várias pessoas não são nada boas, então, além do cansaço, eu estou contando com a presença da minha velha amiga melancolia, que já fazia tempos pacas que não aparecia e agora está tomando conta de todos os dias da minha semana. A melancolia está tão forte nesses últimos tempos que eu estou lendo The Lovely Bones (Uma Vida Interrompida) da Alice Sebold pela trigésima sétima vez, e pedi ao meu amigo pra baixar o filme para eu assistir de novo.

E acreditem, The Lovely Bones eu só leio quando estou muito melancólica.

MAS OK VAMOS FALAR DE COISA BOA ou seja nada. Eu estou com muita preguiça pra pensar ultimamente, e nem mesmo escrever, que, acreditem ou não, é a única coisa que me acalma, está me deixando um pouco mais feliz. Aliás, ultimamente as únicas coisas que consigo escrever são textos de escola, porque né.

Então hoje não vou falar de nada, vou deixar vocês pensando em alguma coisa qualquer, alguma coisa mais útil, porque provavelmente o que eu escreveria aqui normalmente não seria utilidade pra vocês e etc

A não ser que eu tenha roubado o gabarito da prova de química de algum de vocês, aí certamente isso seria útil.

Mas eu não fiz isso porque eu não colo em provas etc a última vez que eu colei numa prova foi ano passado e foi sem querer.

NÃO TENHO CULPA SE EU TINHA MARCADO ERRADO AÍ UM AMIGO ME FALOU A RESPOSTA CERTA MESMO SEM EU PEDIR UE e a última vez que eu colei realmente foi na sexta série, na prova de ciências, porque no dia da prova eu tinha ido ao médico, aí no outro dia a professora me pôs pra fazer a prova na sala da coordenadora, mas aí a coordenadora me deixou sozinha na sala, aí eu peguei meu livro na mochila e fiz a prova toda (:

sou um gênio fala sério

whatever pensarei em algo para o próximo post.

_Ósculos e amplexos;
@NanyHackabout

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

A incrível saga de Nany na sua atual escola e outras histórias.

[ESCRITO EM DIVERSOS DIAS, MAIS PRECISAMENTE ENTRE 12-02-2011 E 18-02-2011]

OLHA;;;;;;;;;;;; nem sei porque tô escrevendo ‘saporra. Mas é que já passa da meia-noite, eu tô com insônia e como não tem mais nada pra fazer, eu vou escrever né. Sabe, desde quando entrei na minha primeira escola, eu nunca fiz amigos de verdade. Não como os que tenho atualmente. Na primeira série, eu tinha lá o meu grupinho de amigas, mas eu continuava sendo um pouco excluída, porque era a mais nova. E o tempo passou, eu mudei de escola, fiz novos amigos. Mas claro, poucos continuaram sendo meus amigos depois que saí de lá.

Então, fui para a minha atual escola. Na sexta série, o primeiro amigo que fiz foi o meu professor de Matemática, que até hoje é tipo, meu tio querido, que considero pra caramba. Logo depois, fiz amizade com algumas pessoas da minha turma. Novamente, quando passou o ano, continuei conversando com poucos.

Mas definitivamente a minha sétima série foi a melhor e a pior série da minha vida. A melhor porque foi quando eu conheci os melhores amigos que já tive na vida, e a pior porque eu conheci uma das pessoas mais chatas que existe na face da terra.

Mas a sétima série foi quando eu realmente fiz verdadeiras amizades, que eu espero manter até o último dos meus dias. Foi na sétima série que eu percebi que quando você quer ser amiga de uma pessoa, se você lutar por isso, você consegue. E foi na sétima série que eu levei um tapa na cara da sociedade ao fazer uma amizade que eu achei que fosse verdadeira, e era uma amizade tão falsa quanto o rosto sem rugas da Madona. Sabe quando você é amigo de uma pessoa e então vocês viram inimigos mortais por um motivo idiota? Pois é, eu sei bem o que é isso. E quer saber de uma coisa? EU NÃO ME ARREPENDO. Só para constar.

Enfim, sou feliz por ter conhecido as melhores pessoas do mundo em um intervalo de um ano, e mais feliz ainda por consegui-las mantê-las do meu lado até agora.

MAS tô aqui pra contar como começou a minha aventuresca saga nessa escola que apesar de viver me fodendo é minha segunda casa

Entrei no Gatti na sexta série, em 2007, com apenas 11 aninhos, e eu ERA um exemplo de menina até entrar lá. Não conversava nas aulas, prestava atenção, ficava quietinha no canto anotando a matéria, e, para alívio dos professores, tirava ótimas notas. Mas um dia eu tinha que mudar né, e para a infelicidade dos meus professores da sexta série, eu escolhi logo aquele ano para não ser mais o exemplo de aluna que todos os professores queriam.

Pena que essa mudança não deu certo né, continuo nerd de qualquer jeito.

Whatever, no meu primeiro dia de aula, eu, com 11 anos e 1,43 de altura (agora tenho 1,61 yeesssssssssssssss), cheguei na escola com meu caderno da ~moranguinho~ e fui procurar meu nome nas listas em frente às salas. Bom, eu não era nem doida de ir para uma escola em que eu não conhecesse NINGUÉM, então caçei um povo lá da igreja que eu já sabia que estudava lá e etc, e assim que os encontrei, fui caçar minha turma (literalmente). Então ao chegar em frente à sala 22, achei meu nome na lista da turma 605 e me sentei em frente à sala para esperar.

A primeira professora que entrou foi a de português, uma loira que adora usar vestidos extravagantes e saltos mais extravagantes ainda. Ela praticamente se apresentou e passou uma materiazinha lá de revisão e coisa e tal, que eu nem lembro mais, de tão importante que era.

Mas o melhor foi o segundo horário, porque entrou pela sala meu querido Fred, que dentro de poucos meses se tornou tio Fred e hoje em dia continua sendo o meu tio Fred, só que com uns fios de cabelo branco à mais. Mas com o mesmo senso de humor sarcástico daquela época, ainda bem se não eu dava um soco nele.

Aí na hora do recreio eu acho que me enturmei mais com o povo e fiz umas amizades, e algumas tenho até hoje (:

Ou seja: a sexta série foi até tranquila.Aí passa o ano, eu passo de ano, e vou pra sétima série. É aí que o bicho começa a pegar.

Sétima série, eu com recém-feitos 12 anos, e o guri que era o meu melhor amigo naquela época ia sair da escola. Genial. Já começou o ano muito bem, como vocês podem perceber. E mais: a 605 tinha sido toda desintregada, e da turma original sobraram só 5 no turno da tarde. Então entramos para a turma 707. Imaginemos a seguinte situação: primeira aula na sétima série (se bem me lembro) foi artes com uma das professoras mais entediantes que já tive na vida e eu conhecia no máximo umas 7 pessoas na turma (contando com as outras 4 da 605). Claro que a primeira aula foi um porre.

Mas graças aos céus que há tantas pessoas legais quanto pessoas entediantes naquela escola, e o meu segundo horário foi com a professora que eu mais amo na minha vida, minha querida tia Suzana. Mano, logo no primeiro minuto de aula a Suzana se revelou uma pessoa super gente boa, e desde então a considero quase da família.

Aí o tempo foi passando, e mais ou menos em abril ou maio não me lembro bem e nem quero lembrar, a nossa querida professora Luci de geografia passou um trabalho sobre a África. E o meu grupo de trabalho era basicamente o meu grupo de amigos. E a entrega do trabalho seria na Olimgatti (Olimpíadas + Gatti SIM EU SEI É RIDÍCULO NÃO PRECISA COMENTAR).

Acontece meus pequenos gafanhotos que a minha avó estava internada para uma cirurgia na época, e eu não estava tendo tempo nem de respirar direito. O que me levou a não fazer quase nada do trabalho. Aí no dia da entrega do trabalho, eu levei o que eu tinha conseguido fazer e estava terminando mais alguns, e eu já até tinha falado com o grupo, MAS só uma pessoa não aceitou isso e patati patatá aí eu mandei o trabalho às favas e saí do grupo, levando minha parte junto. Eu não estava NEM AÍ pra minha nota de geografia, já estava na média mesmo. Então fui pra quadra e assisti calmamente os jogos do dia, não estava nem me lixando pro trabalho mais. Aí quando fui conversar com o grupo, a mesma pessoa me ignorou totalmente. Então como não adiantava mais nada e por causa de uma coisa ridícula alguém brigou comigo, eu simplesmente dei de ombros e fui conversar com meus outros amigos.

E não venham me dizer que por minha causa tal pessoa pegou recuperação em geografia etc etc porque quem não quis a minha parte do trabalho foi fulano e fodas o dele. Falo mesmo tô nei ai isso foi há três anos shut up. Fodas a educação, aqui a minha contribuição pra educação ó 8=============D

Depois disso meu ano foi só maravilha, porque conheci a @chinchulo e a @Fuckwhereyoutoo, e graças à Suzana conheci a minha atual melhor amiga Sílvia.

Aí chegamos na oitava série. Que passou muito rápido. Mas aconteceu tanta coisa, que mal consigo me lembrar de tudo. Mas acho que foi na oitava série que passei a ser a pessoa que sou hoje. Passei a me preocupar de verdade com meus amigos verdadeiros, passei a conversar mais com as pessoas (claro, era meu terceiro ano na escola, se ainda não conhecesse ninguém eu merecia um soco), fiz mais amizades, e, claro, tive uma queda por um professor, como todo ano acontece.

Só uma abertura aqui: eu ter uma queda por um professor já é de praxe, já está quase fazendo parte da cultura do meu grupo de amigos, porque né. Na sexta série foi o Fred (só no início, porque depois ele se tornou meu tio e eu só tinha um amor fraternal por ele kkkkk), na sétima foi o Jorge, na oitava  o Joaquim, no primeiro ano _eu acho que_ foi a Cristine, mas sacumé, paixões lésbicas estão incluídas aqui ou não? kkkk E por mais incrível que pareça não tenho nenhuma paixão esse ano _ainda_.

Aí no final da oitava série eu conheci a Lulu e a Krisley, provavelmente as únicas garotas da sexta série que eram legais naquela época. E aí o ano passou e veio o Ensino Médio.

Meus pequenos gafanhotos, se vocês ainda são do ensino fundamental, aproveitem BEM os anos que lhes restam, porque depois que você entra no Ensino Médio, sua vida não tem mais moleza. Sério, falo isso pra todos os meus amigos mais novos que ainda estão no fundamental, porque, acreditem, quando eu estava no fundamental, eu era feliz e não sabia. Apesar de tudo, eu realmente era feliz. Agora no Médio pffffffffffffffffffffffffffffff se você acha que no Médio você vai poder sair pra balada toda semana é porque você ainda não teve de fazer um trabalho de filosofia sobre um dos filósofos da era renascentista. ALIÁS, se você ACHA que você vai ter uma VIDA SOCIAL no Médio, esqueça se você quiser ser um bom aluno. Porque é muita coisa, e você fica tão estressado que no final do dia você só tem forças de tomar uma ducha e deitar na cama.

Mas o meu primeiro ano foi uma coisa mais ou menos tranquila, e novamente passou muito muito muito rápido, tanto que eu me lembro do primeiro dia de aula no ano passado. Eu NUNCA me lembro do primeiro dia de aula, e eu ainda me lembro do dia em que a gente chegou na escola de manhã (era a primeira vez que nós estudávamos de manhã) e saímos cumprimentando todo mundo no caminho, procurando a sala onde estava a lista da turma. A lista estava na sala 4, e a nossa primeira aula de primeiro ano foi uma coisa tão utópica e difícil ao mesmo tempo que não sabíamos se realmente aquilo estava acontecendo. A primeira aula foi (como quase sempre) português, mas dessa vez não foi uma professora chata de voz de Dolores Umbridge que entrou na sala, mas sim uma professora jovem, bonita e MUITO gente boa: nossa querida Ana Lúcia.

Mas eu só me lembro disso do primeiro dia de aula, o resto eu fiz questão de esquecer, porque queria ficar com a imagem da Ana Lúcia gravada pelo resto da vida, porque vou sentir muita falta dela.

Resumindo o primeiro ano: novas matérias, professores totalmente novos (exceto Fred, Suzana, Wellington e Jackie), aulas estressantes, provas mais ainda. Mas claro que sempre tinha aquelas pessoas que estão ali para aliviar um pouco o stress do dia-à-dia. Estavam entre essas pessoas: Madalena, Cristine, Nádia e Bete. Claro que isso é a minha opinião, porque enquanto 97% da minha turma odiava a aula da Bete, 2% não estava nem aí e os outros 1%, que se resume à mim e ao Victor, éramos apaixonados pela Bete. O mesmo acontecia com a Nádia. E mais ou menos a mesma coisa com a Madalena. Já com a Cristine era diferente, porque ela era professora de Educação Física, e são só umas 7 ou 8 pessoas na minha turma que não fazem a aula. Além da Cris ser uma fofa.

Mas que fique bem claro que não sei ao certo o que sentia pela Cris (amor platônico, amizade sl), seus bando de mente suja.

Só sei que ela é uma linda e que tô com saudades dela ):

Aí o primeiro ano passou. Tivemos 4 festas (Ingrid, a minha, Vanessa e Grazi), e eu fui em três. A da Vanessa foi no mesmo dia que a minha. Fomos bicampeãs no futsal feminino, com uma marca histórica de 8 gols à 0. Reforcei minha amizade com a Suzana, com o Fred e com a Jackie, e até fiz amizade com o Wellington, com a Nádia e com a Madalena.

2010 foi um ano muito bom, apesar de tudo ;_;

Aí agora estou no segundo ano, a mesma escola, a mesma turma, professores diferentes, salas diferentes, métodos diferentes. E ano que vem será o último ano, o final de tudo.

Só espero que esse ano e o próximo passem bem devagar, porque quero aproveitar bem os últimos tempos que tenho na escola (:

_Ósculos e amplexos;
@NanyHackabout

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Música: David Bowie (((((((((((:

Tenho a impressão de que tio Fred vai gostar desse post, mas é só uma impressão -n

Só me desculpando por não estar postando como eu postava antes, mas é porque a escola tá me ocupando todo o tempo. Sério, segundo ano do médio é chato pra cacete, em menos de uma semana de aula eu já fiz dois trabalhos e uns vinte para casas no mínimo exagero. E também nem tá tendo assunto né? ): Mas então, hoje vou falar desse lindo do David Bowie

não tem imagem maior aqui mas enfim BOWIE SEU LINDO <33

 

Bom, titio Bowie nasceu no dia 8 de janeiro de 1947, em Brixton, Inglaterra. Ele é praticamente um camaleão, porque todo ano ele aparecia com um visual diferente e etc, mas enfim, tô aqui pra falar que as músicas dele são fodas mano (: Titio Bowie alcançou o sucesso com a canção Space Oddity, que obteu o quinto lugar no UK Singles Chart, ou seja, a música é boa pra caralho.

Eu praticamente cresci ouvindo David Bowie, porque minha mãe é fã desse cara que orgulho senhor. E quem aí leu Eu, Christiane F., 13 anos, drogada, prostituída (Wir Kinder vom Bahnhof Zoo no original) reconhece o nome em diversos capítulos, porque a Christiane era fã do Bowie também, e até foi no show dele essa filha da puta de merda tomar no cu viu -‘- E no filme de mesmo nome (e tão pesado, melancólico e assustador quanto), mostra o show do Bowie em Berlim, e, tipo assim, eu queria ter nascido naquela época e ter ido naquele show, porque foi foda.

Mas então, segue uma lista das minhas músicas favoritas do Bowie (:

  • Heroes
  • This Is Not America
  • Magic Dance
  • Golden Years
  • Ziggy Stardust
  • Sorrow

This Is Not America é mágica, experimenta pôr os fones no último volume e se trancar no quarto ouvindo ela, mano, mó viagem kkkk THIS IS NOT AMERICA SHA LA LA LA LA -NNNN Enfim, enjoy o/

_Ósculos e amplexos;
@NanyHackabout

2 Comentários

Arquivado em Uncategorized

Primeira semana de aula.

OLHA;;; na verdade verdade mesmo, só teve três dias de aula até agora né? kkkk mas enfim, é bom estar de volta à rotina de acordar às 5:20 da matina, enrolar na cama até às 5:40, tomar banho até 6:00, arrumar e tomar café até às 6:45 e ir pra escola. MARAVILHA.

Mas uma coisa é certa: quando se está no ensino médio, os primeiros dias de aula nunca são tranquilos. No primeiro dia de aula, eu confirmei que a professora de Matemática é realmente uma maluca. Tipo, desde o ano passado – quando passei para de manhã -, eu reparei que ela tinha um jeito de psicopata. Todas as vezes que eu estava de horário vago, eu ajudava as coordenadoras com alguma coisa. E todas as vezes que eu tinha de ir na sala da professora, eu pensava que à qualquer momento ela ia tirar uma faca do bolso e me atacar. E eu continuo achando isso, sério. Mas ela é gente boa e coisa e talz, até falou que enquanto ela estiver explicando matéria a gente pode até dormir que ela não está nem aí, o importante é fazer silêncio.

E no segundo dia de aula, na primeira aula de Física, o professor já passou trabalho. E ainda disse que quer caderno separado pra matéria, porque ele gosta de recolher os cadernos. GENTE, metade da minha turma usa fichário e/ou caderno de 10 matérias. E O PROFESSOR ME VÊM FALANDO QUE PREFERE CADERNO BROCHURÃO PQP PQP PQP

Mas então né povo, só passei pra falar que eu não morri ainda, estou viva. Mas estou sem vontade de escrever ultimamente porque uma amiga minha está no hospital e panz (fiquei sabendo no primeiro dia de aula, vê se pode) e eu estou ansiosa por notícias ):

E também porque eu tô com uma puta saudade da Madalena, já que ela não vai me dar aula esse ano, e ela ainda não decidiu se vai continuar lá no Gatti ou vai ter que sair, essas coisas ):

Enfim, bom início de ano letivo pra vocês e coisa e tal :~

_Ósculos e amplexos;
@NanyHackabout

E, Érica Laiso, saiba que estou torcendo por você. Te amo sempre

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized